Seguidores

Pesquisar este blog

Google+ Followers

Translate

14/05/2010

Distante


Fortaleza e uma marca no céu.
Fotografia: Marli Reis

*


Distante


Na mesma noite
a luz
a refrescar
as memórias
na tua ausência.

Na mesma noite
o pássaro arriscou
um salto no escuro,
deixou cair o orgulho
e o medo sofrido
dos vagalumes.

Na mesma noite
o sorriso benéfico
de quem sabe amar,
de quem usa o verbo
para fazer os nomes
daquilo que se sente
em liberdade,
que não teme o passado,
nem o futuro.

Descansou em mim
teu delírio,
consagrou no altar
tua liança,
teu mais tudo,
um recheio
dos amigos
deixados na porta
para pensar.

***

Nenhum comentário: